Domingo, 07 de Abril de 2013

Poucos saberão de onde vem a expressão "isto é o Uganda, o Quénia ou a Tanzânia!", frase repetida vezes sem conta perante amigos, familiares ou perante alguns cavadores da Nação no início de 90 num determinado Congresso partidário por este v/ criado atento o falecimento do amo.

Esta frase ainda tem hoje umas amostras na net, sítio onde algum cuidado se impõe perante a democrática sabedoria que por aí pulula. Com factos, encontrei esta e que diz respeito a países com o referente "socialista" na Constituição.

 

Noutro dia, perante economistas (muitos deles deveriam estudar como no séc. xviii era ensinada a "economia" e qual o "saber" fundante...mas andam esquecidos na matemática) lá ouvi a frase dos "almoços grátis" que aqui na choldra muitos (mesmo muitos...até no cds) desejam existir. A frase é de M. Friedman, responderam-me com o César das Neves.Siga, nem prestei a atenção pois no meu juizo rapidamente a acidez tolha-me a visão.

Aqui vai, de forma simples, a famosa aula que este Homem de simples ensinamentos, e sempre com reporte aos clássicos (ex. Bastiat), usou a expressão, agradecendo ao insurgente "LibertyPen" a indicação.

 



publicado por monge silésio às 11:45
 
Abril 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
18
19
20

21
22
24
25
26
27

28
29
30